Pele Irritada

Irritação na pele após o barbear

Pele sensível deixou de ser um problema das mulheres. Aliás, nunca foi só das mulheres. Dois terços dos homens apresentam pele sensível após o barbear, e com a pele irritada surgem manchas e bolhas ao longo do rosto, principalmente no pescoço, além do surgimento de pelos encravados, ardor e vermelhidão. Por causa da alergia causada, alguns homens optaram por deixar a barba crescer, mas isso não explica o por quê da comunidade dos barbudos ter aumentado tanto.

Na verdade a alergia pode se dar por alguns motivos, como por exemplo a má higienização da pele, a falta de hidratação, o uso de lâminas usadas que guardam resíduos e causam irritação, problemas naturais de sensibilidade da pele ou pelos grossos que encravam facilmente e dificultam o barbear. Devido à ação da testosterona (hormônio masculino), as glândulas sebáceas masculinas são mais estimuladas que as femininas e, como conseqüência, em geral a pele dos homens é mais oleosa que a das mulheres. Mas as diferenças não param por aí. A produção de fibras de colágeno dérmico (que conferem firmeza à pele) ocorre em maior quantidade em homens, e ela é responsável por um ritmo de envelhecimento mais lento. A perda de água e outros nutrientes também ocorre de maneira diferente na pele dos homens, o que ameniza as variações entre pele oleosa, seca, normal ou mista. Para aqueles que precisam fazer a barba todos os dias e/ou mais de duas vezes ao dia, é importante saber qual seu tipo de pele para tomar os cuidados necessários e usar produtos que amenizem e/ou evitem a irritação.

Se você tem a  PELE NORMAL  o ideal é o uso de colônias suaves, pois a composição da pele normal é mais equilibrada e tem a abertura dos poros quase imperceptível e sempre suave. A PELE MISTA, a mais comum entre os homens, apresenta um brilho na chamada “zona T” (nariz, testa e queixo) e deixa um aspecto seco no restante do rosto. O uso de produtos que contém óleo para as partes secas do rosto é indicada para esse tipo de pele.

Geralmente os homens têm a pele mais oleosa e espessa. Com isso, a grande quantidade de pêlos devido sua espessura, podem encravar na hora em que a barba é raspada e isso favorece o aparecimento de foliculite (é a inflamação de um ou mais folículos pilosos que pode ocorrer em qualquer lugar da pele aonde se encontrem os folículos).  Homens com pele oleosa sofrem mais com o problema, a oleosidade favorece o aumento de sebo na pele, o que ajuda na propagação de bactérias na área com irritação.

O ideal é, antes de fazer a barba, realizar uma boa higienização com sabonete adstringente e/ou bactericida, pois ele protege a pele contra qualquer infecção e remove células mortas, gordura e impurezas. Faça a  limpeza duas vezes ao dia, de manhã e à noite. Lembre-se de usar uma toalha limpa ao secar o rosto. Outra dica é usar sempre um barbeador  descartável de qualidade, com lâmina dupla ou tripla, e tente não passar várias vezes no mesmo local da pele. por isso, quanto mis lâminas, melhor o barbear. Use um creme de barbear para suavizar os efeitos e também é recomendado o creme pós barba, pois ele hidrata e diminui as irritações.

Se o problema mesmo assim continuar, o indicado é trocar o barbeador comum por um elétrico, ele permite fazer a barba com a pele seca e não a machuca como as lâminas de barbear. E se mesmo assim, para os que sofrem ainda com o problema, já há no mercado à disposição a famosa depilação a laser. Com algumas sessões ela elimina completamente a barba, mantendo o resultado em média dois anos.

Compartilhe este conteúdo: